Quando deixar de arriscar é a coisa mais arriscada a se fazer...

     Vocês devem estar pensando, lá vem ele falar de Trades novamente. Mas calma jovem, hoje não é sobre isso que quero falar. Hoje quero falar sobre Criptomoedas, mais especificamente o Bitcoin.

    Após longos anos sem olhar para esse ativo, voltei meus olhares e já adquiri R$ 500,00 em Bitcoin, que são aproximadamente 0,00176884 Satoshis, sendo que na data da compra 1 Bitcoin equivale a R$ 281.000,00. 

    Em 2018, tinha comprado a época R$ 150,00 reais em Bitcoin quando o mesmo valia US$ 20.000,00 enquanto hoje esta na casa dos US$ 51.000,00. Infelizmente, essa quantia que guardei foi pulverizada em outros criptoativos bem ruins por sinal como MoonCoin e HTMLcoin, seguindo a call de uns idiotas de um grupo de Whats App e claro, eu fui o mais idiota de todos.

    O fato é que a criptomoeda veio para ficar e a maior prova disso é os grandes institucionais adquirindo cada vez mais o Bitcoin. Países como o Canadá, lançam um segundo ETF baseado em Bitcoin e grandes empresas como a Tesla, adquiriram recentemente o valor de US$ 1.5 bilhões do ativo.

Oportunidade ou armadilha ?
    

    Muitas pessoas ficaram ricas devido a famosa criptomoeda e parece que a valorização não tem limite. A cada dia que passa, a moeda passa a valer mais e a grande dúvida que fica é quando vai acabar a oportunidade?

    Na própria blogosfera temos um exemplo claro de milionário com o criptoativo, o blog do Viver de Renda. É claro que ele ainda seria milionário se não tivesse adquirido os Bitcoins pois quem o acompanha pode ver que ele tem uma vida low profile mesmo tendo 20 fucking millions. Histórias de pessoas que conseguiram muito dinheiro com a criptomoeda não faltam em nossa história.

    Talvez seja tarde para adquirir esse ativo e esteja pagando muito caro por isso. Mas talvez, a criptomoeda possa se valorizar cada vez mais e chegar a patamares estratosféricos e a única coisa que eu sei é que deixar de arriscar um pequeno valor pode ser a coisa mais arriscada a se fazer.

E você, possuí criptomoedas em seu portfólio?


Grande abraço a todos.

Rumo a IF!

Comentários

  1. Eu não possuo, mas fico invejando quem teve coragem e comprou enquanto esquecido e estava só caindo, se manteve até hoje com certeza está muito feliz, como o blog viver de renda que aumentou o patrimônio em torno de 6milhões só nos últimos 2 meses.

    Agora, com a euforia, é o momento para ser medroso e vender, e quando voltarem a esquecer dele novamente, comprar um pouco, no máximo 5% da carteira.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Então, o problema é que não sabemos quando sera o topo. As únicas informações que temos é que é um ativo limitado e com isso o mercado talvez esteja precificando alto demais ou talvez tenha muito a subir.
      Acho que alocar um pequeno capital é interessante, ficar de fora é assumir riscos.

      Excluir
  2. Para mim é a nova Tulipa do século XXI. Quando as pessoas perceberem que Bitcoin não oferece valor nenhum, já vai ser tarde demais.

    Ações de empresas dão lucro, o boi da o bezerro, a terra produz alimento, o imovel da o aluguel.

    O Bitcoin da oque?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mas vendo por esse lado, o Dolar não possui lastro nenhum e estão emitindo cada vez mais a moeda, o que o desvaloriza de forma gigantesca. Eu concordo que pode ser uma bolha, mas talvez ficar de fora seja algo muito caro. Tudo vai depender da aceitação do mercado, se todos olharem como uma moeda, uma moeda ele vai ser.

      Excluir
  3. No momento não possuo nada no portfólio rs. Mas pretendo deixar uma verba reservada para quando um novo "bitcoin" surgir.

    ResponderExcluir

Postar um comentário